O Novo Coranavírus (COVID-19) e Animais de Companhia

O CDC (centro de controle e prevenção de doenças) recomenda que devemos restringir o contato com animais de companhia e outros animais enquanto estiver doente com o COVID-19, assim como faríamos com outras pessoas. A princípio estudos mostram que os animais de estimação não são infectados e não adoecem acabando por não transmitir o COVID-19, porém evite o hábito de acariciar, beijar, ser lambido e compartilhar alimentos se você estiver doente e use uma máscara facial, o contato próximo com seu animal pode expor outras pessoas que também venham a ter contato com ele assim como objetos da sua casa ele acaba sendo uma superfície de contato.

Estão falando sobre vacinas contra o coronavírus canino disponíveis em alguns mercados globais, esclarecemos que elas destinam-se a proteger contra a infecção entérica por coronavírus que existe há muitos anos nos cães e portanto NÃO são licenciadas e não tem ação e nem proteção contra infecções respiratórias, visto que esse é um vírus que não está acometendo animais de companhia.

As informações e os conselhos mais atualizados sobre a infecção humana podem ser encontrados nos seguintes sites:

• Organização Mundial da Saúde (OMS) (www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus- 2019)
• Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC)
(www.cdc.gov/coronavirus/about/index.html)

As informações mais atualizadas relacionadas à saúde animal podem ser encontradas no seguinte site:

* Organização Mundial para a Saúde Animal (OIE): www.oie.int/scientific-expertise/specific- information-and-recommendations/questions-and-answers-on-2019novel-coronavirus/

Fonte:

WSAVA (Comitê Cientifico e de Saúde Única da WSAVA – Associação Mundial de Clínicos Veterinário de Pequenos Animais);

Informativo CFMV (Conselho Federal de Medicina Veterinária);

OMS (Organização Mundial de Saúde);

Posicionamento Vet & Derma Referente ao Novo Coronavírus (COVID-19)

CUIDADOS:

– A saúde dos pequenos não pode ficar esquecida porém teremos que ser cautelosos, antes de trazê-lo a clínica ou solicitar o serviço de transporte ligue e nos informe o problema para melhor orientação e horário evitando aglomerações e se estiver com sintomas de gripe, peça para outra pessoa acompanha-lo;

– Faça banhos a frequência adequada para o tipo de pelagem e estilo de vida para que ele permaneça limpo,

– Faça somente passeios ao ár livre rápidos e objetivos para atender ás necessidades fisiológicas do animal reduzindo a quantidade de saídas, evite contato com outros animais, zele pelo seu animal e pela saúde de todos evitando contato com muitas pessoas sem necessidade;

– Evite dividir alimentos com seu animal, beijá-lo e deixá-lo lamber, lembre-se sempre de frequentemente lavar as mãos e passar álcool gel nas mesmas antes e após interagir com seu pet e use máscara se estiver doente, seu pet não sofre a infeção pelo COVID-19 portanto não é um transmissor ativo mas ele pode ser uma superfície de contato assim como objetos da sua casa, se você estiver com a doença, mantenha-se afastado do seu animal até que se recupere (em média 14 dias).

Aqui na Vet & Derma informamos que seguimos por hora com nossas atividades normalmente pois somos profissionais da área de saúde e precisamos continuar nosso trabalho para zelar pela saúde dos animais, mantendo os atendimentos, porém com atenção redobrada conforme indicações da OMS (organização mundial da saúde) e do CFMV (conselho federal de medicina veterinária) frente a esse momento tão delicado.

Estamos tomando medidas profiláticas rígidas como limpeza ambiental e do material constante com desinfetantes hospitalares com ação viricida (contra vírus), bactericida e fungicida, higiene pessoal da equipe redobrada, disponibilização de álcool gel em todos os ambientes, máscaras estéreis se necessário, os ambientes são bem ventilados e a agenda está com intervalos maiores entre clientes evitando o máximo possível a aglomeração.

O atendimento clínico veterinário da Dra. Débora Reboredo e os demais especialistas estão sendo realizados com agendamento prévio e com os mesmos cuidados citados.

Já iniciamos entrega de medicamentos em domicílio, e estamos nos preparando para o serviço de  transporte dos animais para atendimento veterinário e banhos terapêuticos. Ligue e se informe conosco.

Pedimos a gentileza que os animais sejam acompanhados se possível por uma pessoa, e que horários de agendamento sejam respeitados, ao comunicarmos o término do serviço o animal seja retirado brevemente.

Caso o cliente apresente algum sintoma relacionado a gripe (tosse, dores de garganta, febre, dificuldade respiratória, etc) solicitamos que nos avise o mais breve possível e assim reagendaremos sua consulta ou o serviço do seu animal, e que ao comparecer fique atento á higiene das mãos ao entrar e sair da clínica.

Fonte:

M.V. Débora Reboredo, CRMV-Sp 22678

WSAVA (Comitê Cientifico e de Saúde Única da WSAVA – Associação Mundial de Clínicos Veterinário de Pequenos Animais);

Informativo CFMV (Conselho Federal de Medicina Veterinária);

OMS (Organização Mundial de Saúde);

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *